A IMPORTÂNCIA DO BRINCAR DE CORPO E ALMA

Semana Mundial do Brincar traz tema brincar  de corpo e alma e revalida a importância do brincar na infância.

Nossos filhos nasceram em uma era digital não temos como negar. Antes de começarem a falar já sabem deslizar os dedinhos nas telas de smartphones com maestria. Aprendem a função “touch” com uma facilidade quase que inacreditável.  E claro, não podemos negar, as telas são realmente muitooooo atrativas… a gente mesmo fica horas presa a elas não é mesmo?

Mas a questão é que por conta dessa realidade em que nossos pequenos estão inseridos, estamos cada vez mais nos acostumando com pracinhas/ plays vazios e sofás cheios.  E com isso estamos perdendo oportunidades únicas de interação com nossos filhos, deixando de explorar o verdadeiro lado criança deles.  A espontaneidade, o convívio com a natureza, o brincar livre,  a interação com outras crianças e apoio de adultos … tudo isso faz parte da construção de uma infância benéfica e saudável.

Esse ano a Aliança pela Infância traz para SEMANA MUNDIAL DO BRINCAR o tema brincar de corpo e alma que discute e investe na sensibilização sobre a importância do brincar livre.

O brincar livre favorece a iniciativa, a investigação, a autonomia, a criatividade e a socialização e está ligado ao começo de vida”   Suzana Soares (membro do conselho consultivo da Aliança pela Infância)

Aqui em casa, apesar de sim (impossível negar) o tablet estar inserido em nosso dia a dia, procuramos sair bastante, fazer viagens para lugares de muito verde e espaço. Temos em casa todos os dias a “family hour”, que é nossa hora da brincadeira….onde a bagunça é totalmente permitida e aí aproveitamos (eu e o papai) pra reviver e colocar pra fora nosso lado criança também.

Além de aproveitarmos nosso momento juntos, percebo que estabelecemos melhor nossos laços afetivos e que não é  necessário uma super brincadeira, mas sim estar disponível para o brincar. Deixar que eles, as crianças, conduzam e escolham a brincadeira é importante, pois dessa forma desenvolvem autonomia e liderança. Apoiar, dar suporte e incentivar fica como nosso dever e com isso entramos na diversão com eles.

Aproveitar os espaços, o corpo, estar inteiro na brincadeira, viver o momento do brincar essa é a proposta do SMB no Brasil e que nós podemos fazer real começando em nossa casa e extendendo para nossa comunidade. Dessa forma vamos fortalecer a idéia de que brincar importa e de que através da brincadeira a criança se constitui como ser, como pessoa.

” Crianças brincam! Brincam sozinhas, acompanhadas, animam objetos, imitam sons, são heroínas, choram, riem em suas brincadeiras. E porque estão brincando podem  amar e odiar livremente, protegidas pelo círculo mágico do jogo do ambiente lúdico. O lúdico é fator constituinte da vida. é através dele que a criança se constitui como sujeito.” (Trecho retirado do Portal do Mistério da Saúde)

 

As crianças têm a infância pra brincar, não vamos deixar que elas percam esse tempo. Bora nos entregar de corpo e alma junto com eles às brincadeiras?

 

Uma semana, uma vida de muita brincadeira pra gente.

 

Beijos

Renata Chiarello

Renata Chiarello

Oi, eu sou Renata Chiarello mãe da B. Uma mãe que alterna loucura e equilíbrio (afinal qual mãe não é assim, né?). Uma mãe que quer desvendar e mostrar o mundo. Uma mãe que descobre todos os dias, de diferentes formas, as maravilhas e dificuldades que a maternidade traz.

Related Posts

Comentários sobre este post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *